15/04/2024

Folha do Norte da Ilha

O jornal mais tradicional do norte da Ilha de Santa Catarina

Casan prepara estrutura para início das operações de esgoto no bairro Ingleses

A Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan) deu início à implantação do emissário de esgoto bruto que irá atender a região sul do bairro Ingleses, em Florianópolis. Essa é a última etapa antes do início das operações nessa região. De acordo com o a Casan, até a primeira quinzena de dezembro, cerca de 1,2 km de tubulação serão instalados pela Companhia na rua Intendente João Nunes Vieira. A estrutura faz parte da rede que vai levar o esgoto das residências até a Estação de Tratamento (ETE) ingleses.

As obras de colocação dos tubos seguem até a primeira quinzena de dezembro

A ETE integra o Sistema de Esgotamento Sanitário Ingleses/Santinho e vai beneficiar 42 mil moradores, além dos turistas que frequentam essas praias. A entrega da obra representa um aumento de 5% na cobertura dos serviços de esgoto na capital e mais um passo no projeto da CASAN de alcançar os 90% até 2028. Quase 70 km de rede coletora serão instalados para receber futuras ligações.

Para preparar os profissionais que irão efetuar as conexões dos imóveis à rede, a Companhia oferece um curso gratuito para encanadores, pedreiros, instaladores hidráulicos e outros trabalhadores interessados. A próxima data será no dia 6 de dezembro. Aqueles que participarem terão seu contato disponibilizado no site da Casan para que os moradores possam solicitar orçamentos. As inscrições podem ser feitas pelo número (48) 3221-5747, entre 8h e 17h de segunda a sexta-feira.

Moradores devem aguardar para efetuar ligações à rede

A Casan alerta que mesmo com a inauguração da ETE Ingleses os moradores devem aguardar para fazer a conexão dos imóveis ao sistema. A ligação só pode ser realizada após autorização da Companhia, pois nem todas as ruas beneficiadas nesta etapa entram em operação de forma imediata.

A liberação será feita por meio de aviso na fatura de água. Ligações realizadas antes do comunicado da CASAN podem gerar retorno do esgoto para o imóvel e extravasamento em vias públicas, causando prejuízo ao meio ambiente e à saúde.

Da redação com informações da Assessoria de Imprensa da Casan
Fotos: Divulgação